Sobre o tempo: sobre mim

Lendo meu próprio blog, depois de ficar sem publicar por três anos, me dei conta de como perdemos o controle sobre o tempo – eu, ao menos, perdi. Li todos os posts, um por um. Eles contam a minha história, meus pensamentos, minhas curiosidades e interesses. Muita coisa aconteceu nesses três anos – me formei, trabalhei, me casei, me demiti, e trabalho hoje com escritório próprio com clientes que eu cuido como se fossem da família.

Eu disse “muita coisa aconteceu”, mas não “muita coisa mudou”. Sobre isso, me refiro aos meus pensamentos e idéias. O Blog me ajudou a organizá-las, dentro de uma linha do tempo que não se apaga; e hoje, sem saber exatamente a razão, senti falta dessa estrutura linear que, de vez em quando, vai registrando e organizando os meus pensamenos sobre arquitetura, e como ela se relaciona com a vida.

No Blog, não há promessas, planos ou estratégias. Talvez por isso ele tenha sido deixado de lado por um tempo. Mas é espontâneo e é real – é o reflexo do tempo sobre mim.

Anúncios

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s